Skip to content

Circuito Banco do Brasil: Linkin Park fecha festival com show recheado de sucessos

by em 20 de Outubro de 2014

1503829_1560209610880506_1508412846606601423_nFoto: Anderson Alves

E mais uma etapa do Circuito Banco do Brasil foi muito bem recebida em Brasília, mais de 20 mil pessoas foram ao estacionamento do Mané Garrincha conferir de perto as atrações, algumas até madrugaram na fila só pra ver seu ídolo bem de perto.

FilipeMarquesFoto: Filipe Marques

A ótima estrutura montada e os shows começando exatamente no horários previstos, foram os destaques do festival, assim como em 2013, onde conferimos em Belo Horizonte e Brasília, esse ano a equipe mostrou total dedicação para que o evento pudesse agradar ao máximo. Foram distribuídos até alguns ‘bancos’ para que a galera pudesse descansar e recuperar a energia para o show.

DiegoPadilhaFoto: Diego Padilha

Começando às 15h com competições da Copa Brasil de Skate Vertical e com o calor de 37 graus da capital, não desanimou ninguém, o público espalhado pela área já era grande e acompanhou o Roni Gomes vencer em primeiro lugar a competição, o paulista também tinha ganho em 2013. Em segundo ficou Dan Pardinho (SP) e em terceiro lugar Edgar Pereira (SP).

1234877_577848822340721_4864260631927011536_n

Os cariocas da Hover, selecionados pelo Concurso Voz Para Todos, abriram o festival em grande estilo e agradou bastante o público presente. A banda ainda convidou Gustavo Bertoni, já conhecido na cidade pela banda Scalene.

10426089_577850395673897_8068015174425271073_n

A Plebe Rude foi a banda a se apresentar logo em seguida com um show histórico, e não podia ser diferente, a banda já tem história no rock de Brasília, e tocar ao lado de Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá é sem dúvida um marco. Começaram o show mandando “Brasília”, após mais algumas músicas da Plebe, convidaram Dado Villa-Lobos para subir ao palco e juntos tocaram ”Proteção” e ”Pressão Social”. Logo em seguida foi a vez de Bonfá se juntar ao grupo e tocar grandes sucessos da Legião Urbana, ponto alto do show, todo mundo com ”Conexão Amazônica”, ”Será”, ”Tempo Perdido” e ”Que País é Esse” na ponta da língua.

10352757_577851242340479_2333329334061606868_n

É incrível como o Skank consegue animar todas as gerações, você analisa o set list e percebe que a banda só tem hits, mesmo com o passar do tempo e com um disco que foi lançado recentemente, as músicas são cantaroladas por todos. A banda começa o show com o clássico “Uma Partida de Futebol” com o Estádio Nacional alí do lado e fãs pulando o tempo todo, mesmo com um calor insano. Samuel declara que é bom tocar novamente na verdadeira capital do rock, e pra fechar com chave de ouro, manda “Vou Deixar”, pra platéia enlouquecer ao som.

10647043_577854339006836_2840241999566778850_n

As duas atrações internacionais da noite desembarcam pela primeira vez em Brasília, e claro, fãs todos ansiosos pelas apresentações. A música une e a prova disso era o desfile de pessoas de todo o canto do Brasil que escolheram Brasília pela fama de “capital do rock”.

10711020_1560192964215504_6842919251585057924_n

Lembra daquele clipe “We Are Golden” do Mika? Era daquele jeito que estava o vocalista Brendon Urie com o Panic! At the Disco, quando subiu ao palco às 20hs, tem uma presença de palco forte, demonstrou estar contente em tocar em Brasília, e agradou até alguns que não estavam se importando muito com o show ao mandar um clássico do Queen, o cover de Bohemian Rhapsody. O grupo mandou boa parte de músicas do último disco lançado, “Too Weird to Live, Too Rare to Die!”, com exceção dos fãs, muita gente ficou perdida até tocarem Nine In The Afternoon e Nearly Witchesalguns dos hits que marcaram o grupo poucos anos atrás.

10647002_577855189006751_8282565848187238222_n

O Linkin Park não é mais aquela banda que emplacava sucessos nas rádios e chegou a vender milhões de cópias de um único álbum, mas a banda que já ganhou premiações com título de “Melhor Performance ao Vivo”, realmente agrada nesse quesito. 

Começando pontualmente às 22hs, a banda sobe ao palco com muita energia e o que se ouve da platéia é só gritos de uma galera que esperava animada pelo show. Mandando as músicas do álbum “The Hunting Party”, Chester Bennington ainda tem fôlego e não desanima. O novo trabalho é um pouco mais pesado e a banda faz um mix com música eletrônica, o cenário é incrível, bastou um passeio e quando estava lá atrás ainda tinha uma visão espetacular de todos os efeitos utilizados.

10703498_577855242340079_8199101933696341205_n

Durante 1:40h de show, foram poucas as vezes que alguém parava, todos curtindo ao máximo, o ponto forte foi o final com a banda mandando ”Numb”, ”In the End” e ”Faint”. Chester ainda agradeceu ao público e voltou com o bis tocando ”What Ive Done” e ”Bleed It Out”.

O Circuito Banco do Brasil sem dúvida vai ficar na memória de muitos por algum tempo, mais uma edição espetacular em Brasília. 

Próxima Parada: Kings of Leon, MGMT, Paramore, Skank e Pitty – Circuito Banco do Brasil ~ São Paulo

Confira a galeria completa das fotos na fanpage clicando aqui. Cliques por Anderson Alves.

From → Coberturas

Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: